Com apenas 19 anos, garoto cria tecnologia que pode limpar os oceanos
Com somente 19 anos de idade um garoto holandês criou um sistema que é capaz de separar e recolher o lixo que polui os oceanos. Boyan Slat, abriu uma campanha de financiamento colaborativo a fim de levantar, em 100 dias, US$ 2 milhões (R$4,4mi) que seriam necessários realizar o projeto. Ele já conseguiu aproximadamente 32% de arrecadação

Leia mais em: http://www.engenhariahoje.com/noticias/tecnologia/com-apenas-19-anos-garoto-cria-tecnologia-que-pode-limpar-os-oceanos#ixzz3698X6Cdd 
Follow us: @EngenhariaHoje on Twitter | EngenhariaHoje on Facebook

A equipe de Slat é grande e ja conta com uma equipe de mais de 100 pessoas. Eles o ajudou a elaborar um estudo e colocar em 528 páginas que seu projeto é viável. Trata-se de um combinado de barreiras flutuantes em forma de V que, ao serem ancoradas no fundo do mar, usariam seus 30 quilômetros de braços para coletar lixo até 3 metros de profundidade.

Os 3 metros é uma altura planejada para não atrapalhar a vida marinha, porque ela não usa redes e, portanto, é inofensiva para os animais. Segundo o relatório, seriam recolhidos 65 metros cúbicos de lixo por dia. Eles deveriam ser retirados a cada 45 dias com a utilização de um navio. O sistema é capaz de coletar partículas de diversos tamanhos, já os menores de 0,1mm não seria capz de captar, mas como uma grande parte dos detritos encontratos no mar são lixos grandes, isso não seria um grande problema a princípio.

O dinheiro do financiamento seria somente para o inicio da montagem e implementação da ideia nos oceanos, mas a manutenção seria paga com o próprio material retirado da água, na reciclagem.

 
__________________________________________________________________________________________
www.bfconstrutora.com.br
2019/10/16 | 06:30:06

IMPRIMIR