Dicas para a instalação dos pisos vinílicos
Os pisos vinílicos ePiso conquistaram os arquitetos, designers de interiores e seus clientes por reunir em um só revestimento benefícios como: conforto, beleza, praticidade, sustentabilidade, resistência, impermeabilidade, antialergênico e antibacteriano, entre outros. As linhas são cerificadas de acordo com as normas ISO 14001 (Siste ma de Gestão Ambiental) e ISO 9001 (Sistema de Gestão de Qualidade), o que comprovam seu compromisso com o meio ambiente e o consumidor. Por isso têm garantia de dez anos.

Mas o resultado final também depende de um importante fator: a instalação do produto. E isso não é exclusividade dos pisos vinílicos! Todo revestimento exige cuidados na sua aplicação. Entre eles, o mais importante é o nivelamento do contrapiso. Além de estar bem limpo,  liso, nivelado, seco, firme, sem rachaduras. "Vale lembrar que um grão de areia pode marcar o piso instalado. Se não estiver totalmente nivelado, vão aparecer altos e baixos", destaca Ilan Tiktin, diretor da ePiso.

Esta regularização também deve ser feita caso o piso vinílico venha a ser instalado sobre outro revestimento, como uma cerâmica, por exemplo. Neste caso, os rejuntes precisam ser nivelados .

Outro importante cuidado é verificar a existência de umidade no contrapiso e, caso necessário, impermeabilizar o local. "A utilização de cola de boa qualidade também deve ser levada em consideração, pois pode interferir na instalação", conta Rodney Garcia, supervisor da ePiso. 

Com todos os cuidados com o contrapiso, um instalador treinado pode aplicar de 50 a 60 metros quadrados em um único dia. A manutenção também é muito prática, basta passar um pano úmido e pronto, o piso vinílico estará novo.

Fonte: infoimoveis
 
__________________________________________________________________________________________
www.bfconstrutora.com.br
2018/8/19 | 00:22:54

IMPRIMIR